Endoscopia

Serviço de Endoscopia com Dr. Arthur Arrais

Bem-vindo à página dedicada ao serviço de endoscopia oferecido pelo Dr. Arthur Arrais, renomado médico gastroenterologista. A endoscopia é uma técnica essencial para o diagnóstico e tratamento de diversas condições do trato gastrointestinal. Com a experiência e expertise do Dr. Arthur Arrais, você pode confiar em receber um atendimento de alta qualidade e cuidado personalizado.

O que é Endoscopia?

A Endoscopia (ou Endoscopia Digestiva Alta) é um exame que analisa a parte superior do tubo digestivo (esôfago, estômago e duodeno, a porção inicial do intestino) através de um fino tubo flexível com uma câmera na ponta. É um dos exames mais comuns e eficazes para identificar e tratar doenças do aparelho digestivo.

Agende sua consulta ou exame agora

Para que serve o exame de Endoscopia Digestiva Alta? Quem precisa fazer o exame?

Conforme mencionado acima, o exame de Endoscopia é um importante aliado do Gastro no diagnóstico e tratamento dos mais variados problemas digestivos, como Gastrite, Esofagite, Refluxo, Úlceras e Infecção pelo H. pylori.

Se você apresenta alguma das queixas abaixo, pode ter indicação de fazer uma Endoscopia:

  • Azia, queimação e sintomas de refluxo;
  • Dificuldade de engolir o alimento ou “Entalo”;
  • Dor no estômago, sensação de estufamento/empachamento;
  • Vômitos de repetição;
  • Sangramento digestivo (vômitos com sangue ou sangue “digerido” nas fezes) ou Anemia sem causa definida;
  • Diarreia crônica;
  • Perda de peso não intencional;
  • Histórico familiar de câncer do trato digestivo (estômago e esôfago).

Quanto tempo dura uma Endoscopia Digestiva Alta?

O exame costuma ser bastante rápido, durando entre 10 e 15 minutos. Exames terapêuticos (com remoção de pólipos ou muitas biópsias) podem demorar um pouco mais, porém raramente ultrapassa os 20 minutos. Vale ressaltar que o paciente dorme (ou melhor, tira um “cochilo”) durante todo o exame, acordando logo após o término do procedimento.

O exame dói? Como é feita a sedação? Vou lembrar do exame?

NÃO! Na Endoscopia, utilizamos analgésicos, anestésicos e sedativos leves na veia, que tiram a dor e qualquer sensação de incômodo, além de induzirem o sono. O paciente dorme durante todo o procedimento. Alguns pacientes experimentam uma breve amnésia do período do exame, mas isso é normal e os pacientes não costumam recordar do momento do exame.  

Vou parar de respirar durante a Endoscopia?

NÃO. A sedação é LEVE, com doses baixas, suficientes apenas para tirar a ansiedade e qualquer sensação desconfortável durante o exame! A respiração não se altera e o suporte de oxigênio é rotina!

Fazer uma Endoscopia é perigoso?

Outra dúvida bastante comum dos pacientes, cuja resposta é NÃO! A Endoscopia é um exame extremamente seguro, com taxas de complicação muito baixas (bem menores que 1%).

Lembre-se que a segurança do paciente sempre deve ser prioridade, então é importante que o exame seja realizado em ambiente adequado (sala equipada, com monitorização dos sinais vitais e suporte de oxigênio) e que uma breve consulta antes do exame seja feita com o médico endoscopista, onde avaliamos as doenças do paciente, as medicações de uso contínuo, de forma a evitar qualquer evento adverso. Converse com seu Gastro e com o Endoscopista para retirar todas as dúvidas!

E o jejum? Vou poder me alimentar depois do exame? Quais os cuidados?

jejum para sólidos é de 8 horas, no mínimo, e de 2 horas para líquidos claros (água, água de côco e chás claros). Alguns casos requerem período mais prolongado, porém esses são a minoria.

Após o exame o paciente pode retornar com seus hábitos alimentares normalmente, devendo evitar comidas muito “pesadas” (gorduras, frituras, processados/embutidos, álcool) na primeira refeição após o exame.

O paciente deve estar acompanhado de pessoa maior de 18 anos, não deve dirigir ou operar máquinas no dia do exame, devendo repousar e evitar a prática de atividades físicas intensas naquele dia.

Agora que a maioria das dúvidas foram tiradas e você entende mais como funciona o exame, é importante realçar que a indicação da Endoscopia deve ser individualizada, partindo de uma indicação médica, mostrando que uma consulta pré-exame agrega (e muito!) valor ao exame, direcionando biópsias e investigações específicas a depender do caso.

 

Preparação para a Endoscopia

Antes do procedimento, o paciente receberá instruções específicas sobre como se preparar, incluindo restrições alimentares e medicamentosas. É importante seguir essas orientações cuidadosamente para garantir que a endoscopia seja realizada com segurança e eficácia.

Abrir chat
1
Agende uma consulta AGORA!
Olá,
Podemos te ajudar?